Parceiros

Curta-nos no Facebook! - Café com Net

Dicas Para Aprender Inglês em Casa

Como todos estamos "carecas" de saber, o mundo inteiro está enfrentando um dos momentos mais complicados do século, que é essa pandemia do novo coronavírus. E muitas pessoas estão sabendo tirar um grande proveito disso tudo, como estudar, aprendendo coisas novas para o futuro.

Não é segredo para ninguém que ter um certo conhecimento em inglês é importantíssimo nos dias atuais, e neste artigo, vamos dar uma ajudinha para você que quer aprender ou até mesmo aprimorar seu inglês.


Tenho que assumir que antes mesmo da pandemia já estava de "quarentena", e talvez — por isso, eu acabei aprendendo o inglês sozinho em casa. Então, sem mais enrolação. bora para a lista com dicas para aprender inglês estando em casa!

1. Talvez a alternativa mais óbvia

Escute mais música de fora: procure variar bastante os ritmos, e se a letra possuir uma história maior, é melhor ainda. A minha principal dica é que ouça uma vez em silêncio, depois tente cantar o começo e aos poucos ir progredindo, até o refrão e tudo mais. Procurar a letra e ver o que pode ser melhorado, e também (muito importante), a tradução dela, que você pode facilmente encontrar no site LETRAS.MUS.BR.

2. Assistir filmes e séries LEGENDADOS

Se você quer saber de tudo, inclusive gírias, sotaques e demais variações, tem que estar familiarizado com o idioma. Saber ouvir e diferenciar sons e tons, a ocasião e o contexto do que está acontecendo, e nada melhor para isso que assistir um bom filme ou "maratonar" uma série, não é mesmo?

A ideia é parecida com a música, prestar atenção no que está sendo dito e tentar reproduzir, e claro, utilizar as legendas para aprender e associar o que cada coisa significa. Ah, e se você for paciente, fica a dica: em outro dia assistir novamente, porém com a legenda em inglês dessa vez!

Se você quer uma indicação que seria um prato cheio para aprender o idioma, eu indico para você assistir Skins. Vale lembrar que ela é ambientada em Bristol, na Inglaterra e — por isso — o sotaque e as palavras podem ser diferentes do que estamos acostumado a ouvir dos EUA (tipo o que acontece com o português brasileiro e o de Portugal).

Elenco da primeira geração de Skins. Foto/Reprodução: GettyImages

Apesar de ser uma série com uma pegada mais teen, aborda diversos temas sociais importantes (principalmente o abuso de álcool e drogas) e também uma mistura de diversas pessoas com culturas diferentes. Algo que ajuda bastante a conhecer a língua.

3. Aplicativos de celular (Infelizmente nenhum nos patrocinou. Patrocina o site aí!!!)

Com o avanço da tecnologia, os celulares se tornaram de uso popular em todo o mundo, e para adquirir conhecimento se tornou muito mais fácil e prático que nunca!

E com isso, irei falar brevemente de dois aplicativos que podem te ajudar:

  • Drops: Aborda o aprendizado do inglês praticamente do zero. Possui exercícios diários e sistemas de pontuação por nível. São exercícios práticos de fala e escrita, durando no máximo de 5 a 10 minutos por dia. Podendo dobrar a meta ao passar de nível.
Um detalhe: Assim como a série indicada anteriormente, o aplicativo foca mais no aprendizado do Inglês britânico.

  • Duolingo: Esse eu não tenho muito conhecimento sobre, porém é o mais popular para este fim atualmente. Ele tem atividades bem semelhantes ao Drops, a grande diferença é que nele pode aprender diversas línguas simultaneamente. E também, pode praticar o tempo que desejar.

4. Aplicativos de Conversação com estrangeiros

Praticar a conversação com outras pessoas é essencial para desenvolver a fala e escrita. Ter alguém com o mesmo nível que você é ótimo, mas se puder falar com alguém fluente e/ou nativo de algum país falante do inglês é ainda melhor. Uma indicação de aplicativo que te permite fazer isso é o Speaky

Vale lembrar para tomar cuidado (principalmente se você for mulher), pois algumas pessoas confundem com aplicativo de namoro e afins, e assim a experiência acaba sendo bem chata. Então se você ver alguém fugindo da proposta do Aplicativo, não deixe de DENUNCIAR seu perfil.

GOSTOU DO ARTIGO? ENTÃO CORRE PARA SEGUIR AS DICAS E SAIR DO VERBO TO BE! — E SE POSSÍVEL RECOMENDA PARA OS AMIGUINHOS :) 

Postar um comentário

1 Comentários

  1. Venho acompanhando este site ha alguns dias e verificado a seção de dicas que de fato são de muita ajuda. Parabéns pelo artigo, abriu um pouco minha mente para aprender inglês de uma forma incrível!

    ResponderExcluir