Grande repercussão foi gerada em redes sociais e o caso entrou nos Trends do Twitter.

Felipe Neto. Foto/Reprodução: Instagram

Trata-se de uma denúncia anônima que acusou o youtuber de supostamente ter publicado um conteúdo impróprio para crianças e adolescentes em seu canal. Em redes sociais, o influencer comentou a notícia e afirmou estar "tranquilo" com a situação.



Em nota, Felipe Neto ressalta que "prestou todos os esclarecimentos necessários" e que "está confiante no poder Judiciário" pois segue "convicto e tranquilo de que nunca praticou qualquer crime".

A Polícia Civil do Rio informou que a Delegacia de Repressão a Crimes de Informática (DRCI), indiciou o youtuber "por corrupção de menores". Explicaram em nota que as investigações iniciaram após expediente do Ministério da Justiça, e que o influenciador "foi indiciado por divulgar material impróprio para crianças e adolescentes em seu canal do YouTube, e por não limitar a classificação etária dos vídeos com conteúdo e linguajar inapropriado para menores".


Poste um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE