O Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), está marcado para o dia 17 de janeiro, porém há uma mobilização nas redes sociais para que seja adiado por conta do medo da crescente de casos de covid-19. 

A hashtag #AdiaEnem está em alta nas redes sociais, tendo apoio de entidades como a União Nacional dos Estudantes - UNE e a União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes).

FOTO/Reprodução: Twitter / Nataly Silva

Enquanto ainda não há vacina para combater o coronavírus no país, o argumento de entidades estudantis é que a aplicação da prova nas datas marcadas terá consequências perigosas à saúde, podendo gerar mortes por conta do vírus.

No Brasil soma-se 7.753.752 casos, com um aumento de mais de 20 mil. Totalizando 196.561 mortes (+543 nas últimas 24h).

Veja abaixo o que as organizações declararam em seus respectivos perfis do Twitter:



A Ubes argumenta os motivos para o cancelamento da prova:

Enquanto isso, o INEP (instituto responsável pela elaboração e aplicação do Exame) não se prontificou a responder o assunto. No momento, apenas publicaram dicas de coesão para realizar a redação em seu Twitter:

Estaremos atualizando mais informações sobre aqui no site e em nosso perfil do Twitter!

Felype Oliveira
Criador e redator do Café com Net.

Poste um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE